domingo, 25 de maio de 2008

Entroncamento nortenho

A minha casa é pródiga em vegetais e frutas bizarros.
Ontem passou por cá a minha formosa tia Rosa com uma caixinha de cerejas colhidas na cerejeira que tem lá para a terrinha.
Lá no meio vinha esta antropomorficamente curiosa cereja.


No ano passado a minha mãe comprou um saco de tomates na mercearia cá da zona com outro apêndice curioso...

2 comentários:

aminhamaneira disse...

Confesso que essa cena dos fenómenos do Entroncamento me intriga um bocado...
Eu vou pra lá todos os dias e ainda não vi nada AAAASSSSIIIMMM de fenomenal... a não ser os muitos sinais de trânsito...

NM disse...

Eu estive lá uma vez parado 3 horas porque uma catenária caiu e o comboio não andava...

Pareceu-me ver um E.T.!

Após exame cuidado não passava de uma cartolina de callipo usada...